Empresas com maturidade digital faturam mais gastando menos

Natacha Tressino - 18 de julho de 2019

 

Empresas com maturidade digital faturam mais gastando menos

Empresas com maturidade digital faturam mais gastando menos

Você sabe qual o nível de maturidade digital do seu negócio? 

Com o intuito de compreender como as empresas lidam com o marketing data-driven, o Google se uniu ao Boston Consulting Group e juntos realizaram um estudo inédito, chamado “Uma Perspectiva Brasileira: A Jornada do Marketing Orientado a Dados”. Eles entrevistaram grandes empresas do país para entender como elas usam a tecnologia para melhorar resultados, automatizar processos e relacionar dados.

A ideia é descobrir como alcançar a maturidade digital através do marketing orientado a dados, e assim atingir um estágio em que se fatura mais gastando menos. O mercado brasileiro está repleto de oportunidades, e quem souber alcançá-las poderá aumentar seus lucros em até 20%, com redução nos custos de até 30%.

Brasil e os diferentes estágios de maturidade digital

O Brasil há muito tempo fala em marketing digital, mas pouco investe, se comparado com outros países. Contudo um estudo recente mostrou que seu público é bastante suscetível a anúncios digitais. Então qual o motivo para não se investir? A falta de maturidade digital das empresas e agências, que não sabem usar os dados para criar ações eficientes. 

Para ajudar os empresários a entenderem o estágio de maturidade em que se encontram no marketing data-driven, o Google e a BBC desenvolveram um modelo de quatro estágios, previamente testado na europa por um grupo de 40 especialistas: 

  • Nascentes: empresas usam dados de clientes gerados e mantidos por terceiros para realizar campanhas, com baixa de resultados. 
  • Emergentes: empresas que usam dados gerados e mantidos internamente, além de comprar mídia programática.
  • Conectadas: empresas mantêm dados integrados e ativados em múltiplos canais, com um ROI claro e resultados de vendas.
  • Multimomento: empresas têm execução automatizada e otimizada com dados segmentado por cliente, em todos os canais. 

 

Dentre os setores Automotivo, Alimentos & Bebidas, Cuidados Pessoais, Educação, Empresas Digitais, Serviços Financeiros, Telecom & Mídia, Varejo, Viagens & Turismo e Vestuário, a pesquisa mostrou que as empresas têm mercado para evoluir. Das 60 entrevistadas, 61% ainda são Nascentes ou Emergentes, 37% ficaram em Conectadas e apenas 2% são consideradas Multimomento. 

Desafios a serem ultrapassados e como chegar lá

Mas o que fazer para alcançar a maturidade digital? O Google com a BBC apontam alguns desafios que precisam ser superados e o que fazer para ultrapassá-los. Confira:

  • Trabalhar com dados mais precisos e interligados dos consumidores, unindo informações de todos os canais (online e offline) através de repositórios de dados.
  • Usar recursos de ativação, abusando da automatização e personalização de mensagens. Entre as soluções usadas pelas empresas mais maduras está analytics capabilities e tecnologia de publicidade integrada.
  • Modernizar os métodos de mensuração e atribuição de valor, permitindo que o ROI seja medido em tempo real. 
  • Adotar um método ágil de gestão e comunicação entre as áreas. Além de realizar parcerias estratégicas entre agências, desenvolvedores e demais especialistas. 

 

Cada vez mais, manter relacionamentos digitais é uma tarefa desafiadora para as empresas. Por isso saber usar os dados é essencial nessa jornada. Contudo alcançar esse estágio exige mudanças. A sua empresa está pronta para conquistar a maturidade digital?  

Fazer um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *