Seg a Sex : 08:30 - 17:30
Rua Fernandes Pinheiro, 287 -A Tatuapé
contato@integracaodigital.com.br
(11) 3181-5076 | 3181-5077

Blog - Integração Digital

12
dez

Como envolver seu público-alvo com conteúdo visual

Como envolver seu público-alvo com conteúdo visual

O conteúdo visual faz parte das estratégias de marketing de conteúdo e tem como objetivo transmitir informações através de imagens, áudio e demais recursos interativos, usando menos o texto.

Com tanta informação disponível, o conteúdo visual se torna a chave para chamar a atenção do público e levá-lo a interagir com a marca. O visual atrai e cativa o usuário despertando emoções e sentimentos únicos, por isso se torna muito mais efetivo.

Seja com um vídeo que o leve a lembrar da infância ou juventude, uma imagem que o faz refletir sobre determinado aspecto do cotidiano, e até mesmo uma campanha digital que traga à memória os momentos felizes vivenciados o conteúdo visual às vezes tem o poder de viajar no tempo e tocar as pessoas de uma forma especial.

Mas, como usar esse recurso para envolver o seu público-alvo? É o que falaremos a seguir. Acompanhe:

Qual a importância do conteúdo visual?

Por meio do conteúdo visual, as marcas podem interagir com seu público e obter mais proximidade, pois o texto não conversa com as pessoas como em um vídeo, por exemplo. E sabe por que esse recurso é mais eficaz?

É que a principal comunicação humana é visual, isso mesmo! Já notou que quando você está conversando geralmente usa gestos e expressões comportamentais para enfatizar certas situações?

E tudo ao nosso redor envolve o visual, seja em pinturas, imagens, esculturas, desenhos e enfim, fazem parte da comunicação do ser humano. Mas, o grande fator que leva o conteúdo visual a ser tão forte é que se trata de uma linguagem universal, podendo ser facilmente interpretado pela maioria das pessoas, apesar de suas origens e culturas distintas.

E para comprovar o que estamos falando os números não negam: posts com imagens e demais recursos visuais ganham aproximadamente 2.3 vezes mais engajamento nas redes sociais.

Principais tipos de conteúdo visual

Há inúmeros formatos disponíveis para que a sua marca possa fazer uso do conteúdo visual. São elas:

Imagens

Encontradas em blogs, redes sociais e buscadores, as imagens são as mais utilizadas. Podem ser feitas através de fotografias ou imagens vetoriais (ilustrações). No entanto, só são efetivas quando bem selecionadas e empregadas dentro de um contexto.

Apenas inserir uma imagem, sem que ela tenha algum tipo de significado, para remeter a mensagem que deseja transmitir não será uma boa sacada. É preciso pensar se de fato ela passa a informação desejada. E mais do que isso, siga a identidade visual da empresa.

Vídeos

De acordo com as pesquisas os vídeos são o conteúdo visual que alcançam 80% do tráfego na internet. Não é à toa que grandes empresas se tornaram adeptos desta mídia.

Só no Facebook o engajamento orgânico aumenta 8.7 vezes quando são feitos por vídeos. Então, não há como negar que este recurso garante muito mais interação e potencializa suas estratégias de marketing de conteúdo.

Infográficos

Os infográficos são feitos a partir da fusão de texto e ilustração, pois as informações se completam para apresentar dados estatísticos.

Estudos revelaram que os leitores gastam mais tempo com imagens que passam informações, como em infográficos, do que quando leem um texto simples.

GIF’s

Feitos através de pequenas animações, os gifs caíram no gosto popular. Por serem diferentes e divertidos são conteúdos visuais que impactam de forma positiva quando bem usados.

O ideal é que as marcas criem gifs que se adequam a situação do momento, pois são um formato com grande potencial para gerar engajamento.

Memes

Desde que chegaram tornaram-se febre no ambiente digital, os memes promovem excelentes resultados nas estratégias de marketing de conteúdo. Contudo, apesar de sua popularidade é importante saber usar com cautela e em mídias apropriadas para este tipo de recurso.

Geralmente os memes podem ser criados em forma de vídeo, imagem ou gif, e pode ser uma maneira mais descontraída e leve de conversar com seu público.

 

E como definir qual o formato visual mais adequado para sua empresa? Para isso é preciso avaliar com quem a sua marca conversa, atentando-se ao perfil de cliente que consome seus serviços.

Portanto, crie conteúdos que vão de fato atingir com efetividade a sua persona através de conteúdos visuais que cativam. 😊