Seg a Sex : 08:30 - 17:30
Rua Fernandes Pinheiro, 287 -A Tatuapé
contato@integracaodigital.com.br
(11) 3181-5076 | 3181-5077

Blog - Integração Digital

27
dez

O Que é Freemium?

 Freemium

O Que é Freemium? 

A disseminação da web e o desenvolvimento tecnológico trouxeram consigo a possibilidade de inovação nas mais diversas áreas do conhecimento, e isso inclui até mesmo modelos de negócio que, durante décadas, estiveram consolidados. O Freemium é exatamente isso: um novo modelo de negócios que tomou os holofotes e tem impulsionado uma série de produtos e empresas.

 

 Afinal, o que é o Freemium e qual a diferença para outros modelos de negócio?

O termo Freemium surgiu da fusão das palavras Premium e Free (grátis). Ele foi descrito pela primeira vez no ano de 2006. De acordo com a descrição original, funciona da seguinte maneira: seu serviço deve ser oferecido gratuitamente, suportado, provavelmente, por propagandas. Dessa forma, você poderá adquirir uma grande base de clientes. Depois, a ideia é oferecer funcionalidades premium ou uma versão melhorada do serviço, de forma que sua base de clientes deseje pagar para receber aquilo.

 

Na maior parte dos modelos freemium, é comum que apenas 10% dos usuários acabem adquirindo alguma coisa. Mesmo assim, o modelo continua sendo viável.

 

O Freemium só é possível devido ao crescimento da internet, da capacidade de armazenamento e dos produtos digitais. Na economia tradicional, não funcionaria.

 

 Quem usa o Freemium atualmente? 

O Freemium é uma das grandes fontes de renda para desenvolvedoras de softwares, apps para smartphone e tablet e produtoras de jogos, entre outros. O Skype é um excelente exemplo de como o modelo de negócios pode dar certo. Em funcionamento há anos, já teve mais de um bilhão de downloads. Ele é gratuito, mas você pode realizar chamadas pagas para outros números de telefone, se desejar. O software é um sucesso, mesmo com apenas 12% de usuários pagantes.

 

Além disso, grande parte dos jogos para Android e iOS também funcionam dessa maneira. Você pode fazer o download gratuitamente, mas há uma série de funcionalidades e itens que só podem ser adquiridos por meio de pagamentos de verdade.

 

O Youtube é outro exemplo de sucesso, permitindo ao usuário escutar todas as músicas que estão disponíveis, mas colocando propagandas no meio da experiência do usuário. A partir do momento que você paga a assinatura, as propagandas somem e uma série de novas funcionalidades são liberadas, como o download de músicas para ouvir offline.

 

O Freemium é, com certeza, uma ótima ideia de modelo de negócios para aqueles que trabalham no meio virtual. Será que ele é o ideal para você?

 

Para se manter sempre atualizado sobre o que há de mais novo na área, continue acompanhando a Integração Digital!