Google Shopping agora é gratuito: confira a novidade!

Tamiris Bastos - 8 de outubro de 2020

 

google shopping

O setor de varejo foi um dos mais impactados pela pandemia da COVID-19, por isso o Google anunciou durante os últimos meses diferentes iniciativas para minimizar os danos e prejuízos que a crise causou. Entre as ações de incentivo à retomada, está a liberação do Google Shopping gratuito, uma novidade que chega ao Brasil e demais países até o fim de outubro. Os Estados Unidos conta com o recurso desde abril.

A gratuidade do Google Shopping surge como mais uma alternativa para impulsionar as vendas. Antes, era preciso investir em anúncios para ter os produtos exibidos neste espaço, mas agora as listagens serão feitas sem nenhum custo. E como funcionará a novidade? Acompanhe no texto a seguir:

Comece a anunciar gratuitamente no Google Shopping

Para quem ainda não conhece ou está familiarizado, o Google Shopping fica disponível na aba superior do site e aparece a partir da busca por um determinado produto. No entanto, até o momento só as marcas que anunciam têm seus produtos apresentados, mas passará a ser diferente assim que o Google liberar a gratuidade.

Mas, como anunciar? É preciso usar a plataforma chamada Merchant Center para criar as listagens gratuitas de produtos, você pode acessar pelo link: clique aqui. Todo o processo é feito através da plataforma, e conta com a mesma etapa para quem já usa o recurso por meio da veiculação de anúncios pagos. Desse modo, as marcas que pagam para anunciar podem optar pela versão gratuita, sem precisar efetuar qualquer pagamento ou esforço adicional.

O Google promete que a mudança será positiva, principalmente para os setores que não utilizavam o mecanismo: “A novidade vai ajudar e-commerces a se conectarem com possíveis compradores sem que faça diferença se eles anunciarem ou não no Google”.

É também uma forma de aumentar a variedade de ofertas para os os consumidores, visto que apenas lojas anunciantes apareciam. Agora, haverá mais diversidade na procura de produtos.
E como fazer seus produtos se destacarem no meio de tantas ofertas? Já ouviu falar de SEO? Veja a seguir como usá-lo nas listagens do Google Shopping!

Como usar o SEO no Google Shopping

Com o Google Shopping gratuito as buscas orgânicas serão um dos principais fatores para a exibição de resultados. Deste modo, é preciso fortalecer o SEO do Google Shopping para que o seu produto esteja entre um dos primeiros. Porém, a otimização para esta plataforma requer técnicas diferentes, como:

Título

O título é o elemento mais importante de uma otimização, já que é através dele que o Google localiza o item da sua loja. Sendo assim, o ideal é que seu produto seja cadastrado da seguinte forma:

Ex.: iPhone XR 64GB Preto Tela 6.1” iOS 12 4G 12MP – Apple

Descrição do Produto

No e-commerce é muito comum o uso dos mesmos descritivos para um produto. Contudo, ter uma descrição mais informativa e diferenciada pode garantir uma melhor posição na plataforma.

Especificações e características do Produto

O consumidor é criterioso na busca por produtos, por isso procure apresentar o máximo de detalhes e especificações sobre o que ele procura.

Categoria e Cadastro

Categorize o produto corretamente para que o Google possa fazer uma boa leitura ao rastrear o que o usuário procura. A dica é: veja como o seu concorrente categoriza e procure manter de forma similar.

Avaliação

Ter uma boa reputação não contribui apenas para o ranqueamento na plataforma, como também aumenta a credibilidade da loja.

Schema.org

O schema.org é usado para que a sua página tenha uma marcação de dados mais completa, permitindo que os sistemas de buscas do Google possam ler melhor o conteúdo. Trata-se de um código html que quando inserido no site colabora para fazer a varredura.

Preço

Para o Google Shopping preço é tudo. Tanto que ele costuma exibir os melhores preços nas primeiras posições.

banner-mobile-google-ads-id

banner-desk-google-ads-id

Anúncio pago vs Anúncio gratuito

Apesar da novidade, o Google Shopping manterá os recursos pagos, como nos demais anúncios oferecidos pelo site. E mesmo com a gratuidade o número de lojas e e-commerces presentes na plataforma vai aumentar expressivamente. Portanto, investir em anúncios para obter maiores chances de ser notado ainda é a melhor estratégia.

A estratégia para obter o melhor resultado com a plataforma é equilibrar, usando a busca orgânica e paga, como se faz nos demais recursos do Google. É possível separar os itens que estarão entre a listagem paga e gratuita, atraindo mais cliques para a loja.

Então, que tal montar um planejamento eficaz para o seu e-commerce? Nós da Integração Digital somos especialistas em Google e SEO. Moldamos ações de marketing focadas em levar o seu negócio para o topo das pesquisas. Entre em contato e conheça as nossas soluções digitais!

Fazer um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *